Cenário da produção de ovos para o final do ano

O plantel total de galinhas para a produção de ovos comerciais do Brasil teve uma queda próximo de 5,5% nesse ano, segundo o site Ovosite.   Em janeiro desse ano, a quantidade total era de 127 milhões de aves e, em outubro, esse número caiu para 120 milhões.  Essa queda na quantidade de aves vem ocorrendo mês a mês, desde abril desse ano.

O maior desafio dos granjeiros, desde a metade do ano passado, tem sido o aumento do custo da ração, que representa aproximadamente 60% do custo total de produção do ovo.  O milho, principal componente da ração, teve um aumento de 55% sobre o mesmo período do ano passado.  Isso fez com que houvesse a necessidade de repasse do aumento desse custo à ponta da cadeia, mas isso não foi possível na sua totalidade devido à deterioração do poder de compra dos consumidores.  Esse foi principal motivo dessa redução da quantidade de aves.

Os preços altos das outras proteínas como a carne bovina e o frango, fizeram com que houvesse um aumento pela procura do ovo, que ainda é a proteína animal mais barata disponível no mercado.

Com essa redução no plantel de galinhas, haverá uma redução da oferta de ovos para esse final de ano.

Você pode se interessar também

Cadastre-se

Receba nossas novidades por e-mail e saiba mais
sobre como estamos inovando no setor de embalagens