Caixas Sustentáveis para Hortifrutis

Caixa sustentáveis para hortifrutis

As caixas sustentáveis para hortifrutis são uma opção eco-friendly para substituir as embalagens descartáveis e, por extensão, são sustentáveis para todos os demais produtos hortifrutigranjeiros.

No mundo atual, a busca por soluções sustentáveis se tornou uma prioridade em diversos setores. A redução do desperdício diz respeito não apenas aos produtos FLVs e a toda a cadeia de alimentos, mas ao meio ambiente como um todo.

Neste artigo vamos ver a extensão do conceito de “eco friendly”, e como as caixas sustentáveis para hortifrutis, seja em relação a transporte, armazenamento ou exposição, são a solução inteligente para reduzir os impactos negativos na natureza provocados pelas embalagens descartáveis de papelão ou de madeira, ao mesmo tempo em que protegem e conservam os alimentos por muito mais tempo.

Caixas sustentáveis para hortifrutis

O significado de eco-friendly e sua relação com as caixas sustentáveis

Primeiramente, eco-friendly é uma expressão do inglês que remete à ideia de “amigo da natureza” ou “amigável ao meio ambiente”. Quase sempre nós a relacionamos a sustentabilidade.

No entanto, esse conceito é muito mais abrangente, envolvendo uma verdadeira mudança de mentalidade.

Nesse sentido, nossa ideia de “meio ambiente” precisa ser ampliada. Os seres humanos estão em constante interação entre si e com a natureza. As sociedades humanas e o planeta formam uma unidade, mas nós temos a tendência de ver apenas algumas partes do todo.

Então, o conceito de eco-friendly surge para nos propor a pensar em uma atuação no mundo de forma integrada – empresas, governos, organizações da sociedade civil, assim como por pessoas em suas vidas particulares.

Ou seja, esse objetivo ambicioso abrange áreas tão diferentes como educação, saúde, economia, consumo consciente, energia limpa, moda, cosméticos, casa sustentável, descarte de lixo, pegada ambiental, transporte e muito mais.

Portanto, a utilização de caixas sustentáveis para hortifrutis e para hortifrutigranjeiros deve ser entendida dessa forma ampla porque envolve toda a cadeia de suprimentos desde o momento da colheita, passando pelas formas de transporte, até a exposição dos produtos pelos varejistas.

Certamente, envolve também as práticas da empresa fornecedora dessas caixas. Ela deve assegurar sua perfeita higienização, sua reciclagem, assim como oferecer um sistema completo tanto da confecção segura das embalagens, de forma a preservar os produtos, quanto do monitoramento ao longo de todo o ciclo, evitando perdas, extravios e entregas erradas.Também faz parte desse conceito de caixas sustentáveis a oferta de um fornecimento moderno, prático e ágil, visando reduzir custos e otimizar os resultados das empresas, especialmente as ligadas ao setor de alimentos. O aluguel de caixas retornáveis, ou pooling, é a resposta para essa demanda, ao colocar em prática a economia circular e sua relação com a sustentabilidade.

Caixas sustentáveis para hortiifrutis

Os 5 Rs da Sustentabilidade

O site de notícias Meio Sustentável publicou o artigo Os 5 Rs da Sustentabilidade, visando divulgar e facilitar essa prática, aliada à ideia de eco-friendly, justamente porque se trata de adotar um estilo de vida sustentável.

Os 5 Rs da Sustentabilidade são:

  • Repensar
  • Recusar
  • Reduzir
  • Reutilizar
  • Reciclar

Repensar

Significa ser um consumidor consciente, evitando o consumo exagerado e o consumo inútil. Em outras palavras, comprar o necessário, nas quantidades necessárias, ou ainda, não comprar por impulso.

Como se sabe, o consumo exagerado é grandemente responsável pela degradação do meio ambiente.

Repensar os hábitos de consumo engloba pesquisar todo o ciclo de vida de um produto, desde sua produção até o seu descarte. Para isso, sugere-se avaliar sua rotulagem ambiental, ou seja, ler as informações contidas nos rótulos sobre o real impacto do referido produto no meio ambiente.

Evidentemente, esse hábito também tem um impacto positivo no orçamento dos consumidores.

Entretanto, “o ato de repensar não envolve apenas os consumidores, envolve também as empresas. As organizações devem repensar seus hábitos de consumo, descarte de resíduo e a escolha por material para produção do produto.”

Recusar

É dizer NÃO a:

  •  Produtos de uso único, como sacolas ou canudos e todos os que vão direto para a lata de lixo;
  •  Empresas não comprometidas com práticas sustentáveis.

A mudança de mentalidade envolve a adoção de novos hábitos não apenas por parte dos consumidores. A tendência, também entre as empresas, é assumir a responsabilidade pelos valores ambientais e sociais e, assim, no final do processo de produção, ter um produto muito mais limpo, ecologicamente falando.

Reduzir

É estar atento à durabilidade dos produtos. As caixas sustentáveis são um exemplo claro de produto ao mesmo tempo durável e reciclável. Elas estão presentes em todas as listas para reduzir o consumo considerando a durabilidade dos artigos, ao lado de sugestões tão importantes como só usar lâmpadas econômicas ou trocar copos e canecas de plástico por outros de vidro ou louça.

Reutilizar

Atualmente, a tendência de descartar tudo o que aparentemente não é mais útil continua em alta.

Em consequência, reutilizar é uma das ações mais necessárias ao falarmos de mudança de mentalidade e de novos hábitos de consumo.

Aqui, temos duas possibilidades:

  •  Dar uma nova utilidade para um item já usado;
  • Aumentar a vida útil de um produto, produzindo menos resíduos.

Novamente, as caixas sustentáveis são perfeitamente compatíveis com a ideia de reutilizar. Elas são reaproveitadas em até 120 ciclos da cadeia logística.

A logística reversa é outro exemplo porque as caixas voltam, a partir do ponto de consumo, ao local de origem para higienização ou descarte, quando for o caso. 

Reciclar

Este é um dos Rs mais comentados.

Apesar disso, ainda é necessário insistir na urgência dessa proposta. Reciclar é transformar o resíduo sólido, que a princípio seria descartado, em um novo produto ou uma nova matéria-prima.

A reciclagem através da coleta seletiva de lixo, por exemplo, deveria ser adotada por todos os municípios e todas as casas. Além de proteger o meio ambiente, ela gera emprego e renda para um número expressivo de pessoas.

Em relação às caixas sustentáveis, necessariamente, o material com que são produzidas deve ser reciclável.

Caixas sustentáveis para hortifrutis

Desvantagens das embalagens descartáveis para hortifrutigrangeiros

Em se tratando de produtos hortifrutis, os materiais mais utilizados para transporte e exposição são as caixas de papelão, madeira ou plástico.

No entanto, como acabamos de ver nos 5 Rs da Sustentabilidade, papelão e madeira estão na contramão de um consumo sustentável. Suas vantagens, como a praticidade no caso do papelão, por exemplo, são superadas por suas inúmeras desvantagens. Vejamos algumas:

Aumento de lixões

Além de esses locais terem aparência e cheiro desagradáveis, eles trazem consequências muito graves como a contaminação do solo e a disseminação de doenças.

As coletas seletivas mencionadas anteriormente existem a fim de recolher certos materiais e encaminhá-los para a reciclagem.

Porém, as caixas descartáveis de papelão estão entre as embalagens cada vez menos utilizadas para o transporte de hortifrutigranjeiros. Causam prejuízos de toda ordem – facilitam a contaminação dos alimentos, provocam perdas, torções e amassamentos, extraviam-se com frequência porque não é possível monitorá-las.

Para completar, não são reutilizáveis e seu descarte nos lixões contribui para o agravamento de uma situação há muito tempo insustentável.

Aumento das emissões de gases nocivos

As embalagens descartáveis de madeira são, de certa maneira, ainda mais graves.

Embora sejam reutilizáveis por algum tempo, sua única forma de descarte é a queima e consequente aumento da emissão de CO2.

Outras desvantagens das caixas descartáveis de madeira

Essas embalagens causam prejuízos de várias ordens para produtores, transportadores e varejistas. Vejamos alguns:

  •  São pesadas;
  • Abrigam pragas e fungos;
  •  Soltam farpas que penetram nos alimentos;
  • Exigem manutenção constante, como as ripas que se soltam, exigindo emprego de mão de obra extra para fixá-las;
  • Seus pregos também se soltam, além de enferrujarem.
Caixas sustentáveis para hortifrutis

Caixas sustentáveis HB para hortifrutigranjeiros

Atualmente as caixas HB são a solução mais inteligente em embalagens sustentáveis para hortifrutis, assim como para hortifrutigranjeiros existente no mercado brasileiro. Substituem plenamente as embalagens descartáveis.

  • Elas atendem a todas as exigências para produtos e serviços eco-friendly.
  • São produzidas com plástico  FoodSafe,  resistente, mas leve, totalmente reutilizável e reciclável;
  • Podem ser empilhadas de maneira segura;
  • Possuem um interior com formas arredondadas e um inovador sistema de ventilação, evitando amassamentos, torções, conservando os produtos frescos por muito mais tempo e aumentando o shelf life;
  • São dobráveis e paletizáveis, otimizando o espaço nos armazéns e no transporte de retorno;
  • São higienizáveis através de um rigoroso sistema de higienização que reaproveita até 90% da água utilizada;
  •  Têm código de barra e QRCode e o seu monitoramento é feito através do software HBGo, reduzindo perdas, extravios e entregas erradas.

Adote as soluções HB em embalagens sustentáveis para hortifrutigranjeiros para que sua empresa seja também sustentável e eco-friendly!

Solicite seu orçamento

 #hbsmr #caixasretornaveis  #transportedealimentos #FLV  #caixassustentaveis #ecofriendly

Compartilhe:

Mais Posts

Envie-nos uma Mensagem

Nosso objetivo é ajudar as pessoas da melhor forma possível. Este é um princípio básico em todos os casos e motivo do nosso sucesso. 

CONECTE-SE COM A HB

Newsletter

Cadastre-se para nossa newsletter